Jdrel: Como desenvolver talentos utilizando softwares

Conhecendo a Jdrel:

 

Com filiais no Espírito Santo e Santa Catarina, a empresa mato-grossense que irá completar duas décadas de existência, é uma representante da multinacional Thomson Reuters.

 

Apesar de terem a representação de softwares voltados para o ramo contábil e de advocacia, a Jdrel busca expandir seus horizontes e portfolio além da comercialização dos sistemas mencionados acima e do suporte prestado.

 

Por ter o desejo de ser uma empresa modelo para os outros negócios, querem influenciar outras instituições, impactando e inspirando a facilitação no atingimento do propósito de outrem. Por fim, a missão da Jdrel é buscar a resolução de problemas enquanto promovem um atendimento de qualidade para seus mais de 2.200 clientes.

 

O início da parceria com a Mindsight

 

Com o intuito de trazer uma segurança na tomada de decisão de gente e uma confiabilidade em relação aos resultados dos processos, a Jdrel buscava por algum software que os auxiliasse.

 

Naquele momento já utilizavam outra ferramenta, mas em suas buscas perceberam que a maior parte dos sistemas tinha muita semelhança, o que não é algo bom, como disse Bianca Campos, Analista de Gestão de Pessoas na Jdrel:

 

“Eu queria mais em relação a testes comportamentais e avaliações de perfil, porque me sentia rasa e limitada somente com o DISC. Às vezes, aquilo me gerava mais dúvida do que certeza. Como estou me formando em psicologia sei que existem testes mais aprofundados nessa análise. Queria ter mais precisão e clareza, comecei a pesquisar e encontrei a Mindsight, como gostei muito do software, por mais que tivesse outro sistema que me ajudasse na frente de Recrutamento e Seleção, fechamos a parceria com o Mindmatch.”

 

O Mindmatch usa como metodologia o Big Five, além de ser uma das mais antigas que conhecemos, possui estudos científicos, com testes empíricos e respaldo na literatura. Em sua essência, mapeia-se a personalidade dos testados baseando-se em cinco pilares principais, de forma gradativa: abertura a experiências novas, (des)organização, extroversão, afetuosidade e, por fim, neuroticismo (traços de estabilidade emocional e temperamento, como insegurança e autoconfiança).

 

Com o avanço da parceria, a Jdrel percebeu que a Mindsight poderia solucionar e os auxiliar em outro gargalo presente em seus processos: as Avaliações de Desempenho por competências técnicas e comportamentais.

 

 

O processo de avaliação

 

Por prestarem suporte aos clientes, os técnicos da Jdrel necessitam ter um conhecimento aprofundado mediante os módulos de seus softwares. Além disso, era preciso identificar as lacunas para desenvolvimento dos profissionais, para que fosse garantida a melhor qualidade possível na assistência.

 

Anteriormente, a Jdrel tinha como forma de avaliação uma planilha com todas as perguntas desse processo, porém esta gerava muito retrabalho, visto que beirava 700 questões e tornava o arquivo extremamente extenso e complexo.

 

 Wilson Teixeira, gestor do Time de Suporte, conduziu junto de nossa equipe de Sucesso do Cliente uma jornada de melhoria desse projeto fundamental. 

 “Tivemos alguns percalços, mas conseguimos ao final de reuniões e alinhamentos fazer uma calibração da quantidade de perguntas e aplicamos para o time interno. A avaliação de desempenho técnica foi liberada para toda a equipe de suporte, e ao fazerem e ficou claro que era uma forma bem mais didática do que quando feita com a planilha.”

 

Além disso, Wilson notou que a avaliação conduzida pelo sistema permite a possibilidade de o profissional interromper o teste e, posteriormente, voltar para resolução, o que agregou bastante nessa etapa.

 

Como percepção referente ao apoio dado pela Mindsight, tiveram um impacto positivo no ganho de tempo e layout usado, que gerou uma visual para os respondentes, já que a avaliação ficou mais organizada e permitiu um preenchimento mais simples. Além disso, o engajamento e feedback dos usuários foi excepcional:

 

No time que executou o teste, o total de adesão foi superior a 95%!

 

Foi relatado que todos estavam ansiosos enquanto aguardavam a avaliação e o ponto principal desse anseio foi a compreensão dos colaboradores sobre o propósito do processo.

 

O intuito de que eles tivessem noção do tamanho do conhecimento próprio e, após, o desenvolvimento das melhorias apontadas com planos de ação foi combustível para a participação de todos, como disse Wilson:

“A adesão do time e engajamento é bem maior do que quando era em planilha, por conta da tecnologia estar a favor do todo. Liberamos a equipe para fazer o teste, no dia seguinte já tinham funcionários com essa avaliação pronta.”

 

É importante ressaltar que o sistema ficou disponível por duas semanas para que os profissionais realizassem a avaliação om segurança, tranquilidade e calma, já que se trata de uma informação que agregará e impactará a carreira deles dentro da empresa. Wilson complementou sua visão do processo relatando sua própria experiência:

 

“Eu já participei dessa avaliação quando era em planilha e, agora, com o software, para quem executa essa avaliação é muito mais cômodo, é muito melhor na parte de execução. A experiência para quem fizer é totalmente diferente e gratificante.”

 

 

O suporte

 

A Jdrel tinha uma avaliação muito específica para atender a demanda de quantidade de perguntas na avaliação do time de suporte e, com o apoio do time de Customer Sucess da Mindsight, conseguiu encontrar uma maneira de tornar o processo viável.

 

 

Garantindo o melhor apoio possível, isso se refletiu no processo da Jdrel, como Wilson menciona:

“Nos deram um apoio bem bacana, foi muito importante a presença deles sanando dúvidas, normalmente marcávamos uma call e eram bem solícitos ali. Nos forneceram muita assessoria: já me retornaram às 10h da noite e de fim de semana.”

 

Interpretando os resultados

 

A Avaliação de Desempenho realizada continha apenas a autoavaliação do profissional e, posteriormente, foi realizado um processo de calibração conjunta do Wilson, líder da área, para entenderem em união as discrepâncias e pensarem em planos de ação.

 

 

Ao finalizar a etapa de testes, o resultado foi compilado e exposto:

“O resultado foi muito rápido, quase que de forma instantânea, fechamos no domingo e na segunda-feira pela manhã já tínhamos o resultado estratificado. Foi muito mais assertivo pelo formato que foi feito e tive um ganho muito grande quanto a produtividade. Pela planilha tínhamos um resultado também, mas precisávamos fazer muitos processos manuais, esse formato otimizou muitas coisas.”

 

Um dos pontos mencionados pela empresa como highlight no sistema foi a funcionalidade de “Insights”, que possui como objetivo auxiliar a visão dos gestores sobre o resultados dos seus liderados. Através dessa funcionalidade, o sistema aponta de forma automática insights sobre os funcionários de acordo com suas respectivas notas, como, por exemplo, pontos fortes e de melhoria e em alguns casos o comparativo também com outros grupos avaliados. Assim, de forma ágil, essas informações dão estrutura e servem de medula para a construção de planos de ação para o desenvolvimento das equipes.

 

 

Desenvolvendo talentos

 

Com o intuito de desenvolver cada vez mais seus colaboradores, Bianca relatou que tem utilizado o Mindmatch após a Avaliação de Desempenho em alguns de seus funcionários modelos. O Mindmatch promove o mapeamento de perfis com uso de inteligência artificial e machine learning, destrinchando, dessa forma, características daqueles que fazem os testes.

 

 

Assim, pode-se levantar esse conjunto de características individuais que, junto ao feedback da avaliação de desempenho, proporcionam uma autoanálise para o funcionário cada vez mais profunda e completa:

”Diante do que eles querem melhorar ou onde querem chegar na empresa, quais seriam as características que precisariam aperfeiçoar? Disponibilizando essa compilação de resultados para desenvolvimento, alguns colaboradores já nos retornaram com suas percepções.  e seu quesito ”motivacional” alto, então o desafio que pretendemos lançar para ele é que ele seja mais reflexivo e menos impulsivo.”

 

Como a Jdrel já utilizava o Mindmatch na frente de recrutamento, a soma dos dois softwares foi extremamente benéfica para identificação de padrões e análises. Conseguiram chegar a uma média e porcentagem de características  para cada vaga, e assim, conseguiram traçar os perfis que achavam ideais para seus cargos. Agora,  a ferramenta que, inicialmente, era usada apenas para triar candidatos, o que foi relatado como sendo um processo muito rico.

 

 

Portanto, as ferramentas têm ajudado a Jdrel tanto interna quanto externamente. Como Wilson disse: “Nosso papel como gestores é ter a melhor equipe, não só de resultados, mas de clima organizacional também. O contexto geral tem agregado bastante no nosso time.” Dessa forma, garantimos a evolução contínua e a melhor performance possível para a Jdrel e todos os colaboradores que usufruem desses sistemas.

Por