Categories
Mind Insights

RH estratégico: Por que é importante no capital humano?

 

RH estratégico é o nome que damos para as práticas eficientes de gestão de pessoas através de técnicas e tecnologias para uma tomada de decisão ágil e precisa.

Essa modernização é extremamente importante. Hoje, o capital humano é determinante para a inovação dentro de qualquer organização, o que interfere diretamente na estratégia e evolução do modelo de negócio.

Para atrair e reter os melhores talentos é necessário entender quais práticas são importantes para nutrir uma cultura organizacional atualizada e que combine com as vontades da força de trabalho.

Jovens de alto potencial estão investindo mais em suas próprias carreiras do que em seguir uma trajetória dentro de empresas famosas ou mesmo antigas.

Se formos pensar até mesmo no status que a vida profissional traz para as nossas vidas, hoje a liberdade e a identificação é muito mais atrativa do que um currículo com um nome de uma empresa consolidada.

O equilíbrio profissional e pessoal

O bem-estar tem sido uma pauta recorrente na gestão de pessoas. O burnout se tornou uma doença decorrente de trabalho de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o estresse crônico passou a ser encarado com a seriedade que síndrome já demandava.

Com um mercado de trabalho cada vez mais exigente e preparado, os melhores profissionais entendem as suas vantagens e preferem ter uma melhor qualidade de vida do que um alto salário sem tempo livre para aproveitar.

O equilíbrio da vida profissional e pessoal é uma vontade em todo o mundo. Um processo que começou na tirada da gravata hoje está em trajes confortáveis e expressivos e pelo menos um canto da casa preparado para as tarefas que cada função exige.

O trabalho veio para nossas residências, assim como colocamos parte de nosso conforto nos escritórios.

Não estar preparado ou aceitar essa transformação gera uma falha enorme na atração de capital humano.

Confira nosso e-book com o guia do RH estratégico em 2022:

Produzindo mais em menos tempo

Esse é o segredo que todos querem desvendar. Como aumentar a produtividade otimizando processos.

Com a gestão de pessoas participando cada vez mais da estratégia, é possível interpretar problemas internos de maneira mais rápida.

Além disso, a comunicação com as lideranças é simplificada, quem é responsável por encontrar e administrar atritos já está participando de momentos decisivos para o negócio.

A equipe de gestão de pessoas tem mais tempo para gerar insights e solucionar problemas com um maior índice de acerto. Desde a contratação até um alerta de turnover que possa surgir.

Enxergando a importância do capital humano e trabalhando uma cultura organizacional bem estruturada, é possível aumentar o engajamento e satisfação de toda a equipe, mais uma vez exaltando o capital humano.

Menos ruídos de comunicação

Toda a otimização dos processos de capital humano permitem que o RH estratégico combata os achismos. Decisões tomadas sem métricas e metodologias inteligentes é um dos maiores problemas na gestão de pessoas no Brasil.

Para fugir dessa armadilha do fácil e aceitável, é preciso contar com uma tecnologia eficiente. Ter um software inteligente criado exclusivamente para a gestão de pessoas é um diferencial que afeta todos os membros da organização.

Quem é responsável pelo RH consegue informações mais completas e já analisadas pela inteligência artificial em um tempo muito menor.

Ou seja, são mais informações mais completas em menos tempo.

Com mais tempo sobrando, é possível melhorar a comunicação interna e promover mais transparência na organização, outro ponto determinante na atração de talentos.

Com resultados e outras informações sobra a estratégia disponíveis, toda a equipe consegue entender como está o mercado, os concorrentes e os resultados financeiros.

Os funcionários não necessitam mais correr atrás de alguém da equipe de gestão para buscar informações básicas, que muitas vezes acabam se perdendo em meio de tantos dados e métricas.

Investimento para longo prazo

O RH estratégico gera resultados imediatos para o time de gestão de pessoas.

Com a otimização de processos, os erros humanos são menores e a refação se torna cada vez mais improvável.

Mas, com o passar do tempo a fluidez chega a todos os setores da organização. Um investimento agora se torna extremamente rentável a longo prazo.

Em todo o mundo, empresas estão investindo cada vez mais no RH. Principalmente valorizando a importância do bem-estar e do engajamento no modelo de negócio.

A estratégia deve ser pensada para o futuro, não é diferente em um RH estratégico.

As organizações que se prepararem agora vão conseguir atrair os melhores talentos e valorizar aqueles que já fazem parte do time.

Foi enxergando essa importância no futuro da gestão de pessoas que preparamos o Cognitive HR Software. Uma solução integrada para um RH inteligente!

Categories
Mind Insights

RH estratégico: O que é e quais suas diferenças

 

RH estratégico é o modelo de gestão de pessoas que prioriza o capital humano e integra a equipe na estratégia da organização.

Isso só é possível através de uma metodologia inteligente, com o que há de mais moderno em psicologia organizacional e com a tecnologia correta, através de ferramentas que consigam processar a grande quantidade de dados necessárias para uma tomada de decisão precisa e rápida.

Neste momento que surge a necessidade de conhecer e aplicar o People Analytics.

O que é o People Analytics?

O People Analytics consiste em utilizar a big data, ou seja, grande volume de informações para entender tendências de comportamento na equipe e promover uma tomada de decisão efetiva a partir de métricas e dados.

Através de um software inteligente, os dados e métricas alimentados na plataforma são compilados e apresentados de forma visual, podendo ser gráficos ou tabelas autogeradas que agilizam as tarefas.

Ao conseguir insights embasados de maneira simplificada, é possível predizer o turnover e outros resultados negativos com maior precisão do que em um RH tradicional

O que é o RH tradicional?

Não podemos falar de um modelo moderno sem falarmos do modelo tradicional. De forma geral, o RH se acostumou com algumas práticas que se baseiam em achismos e padrões engessados.

Desde o processo de recrutamento através da análise de currículo e sem ter um processo definido de seleção; ao a análise de dados de lado, até pensar em apenas resolver problemas, ao invés de se preparar para questões que poderiam surgir de maneira prévia.

O RH tradicional não segue metodologias avançadas, não se preocupa em otimizar tarefas e não liga completamente para uma tomada de decisão propriamente justa.

Não precisamos mais seguir toda uma linha burocrática para conseguirmos acessar informações prévias ou futuras.

O fit cultural

Voltando a falar sobre uma nova forma de enxergar a gestão de pessoas, outra vantagem que temos ao adotar um RH estratégico é trazer pessoas que encaixem com a cultura organizacional.

Ao se trabalhar o fit cultural no processo de recrutamento e seleção, conseguimos separar logo no início da triagem quais pessoas combinam com o resto do time, e sigam práticas que façam parte da estratégia.

O bem-estar e o engajamento são essenciais para reter talentos dentro da organização. A força de trabalho está cada vez mais interessada em um estilo de vida mais saudável e em combinar a vida profissional e pessoal, sem precisar se tornar em outra pessoa no ambiente de trabalho.

A tecnologia cognitiva no RH estratégico

Ter um RH preditivo e que tome decisões a partir de dados não é possível sem ajuda da tecnologia.

Para um RH estratégico, que integre todas as tarefas de gestão de pessoas, além da análise de todas as métricas que surgem diariamente, acreditamos que a tecnologia cognitiva é a ideal.

O ser humano não consegue absorver todas as informações que surgem constantemente. Mas, um software preparado para adquirir conhecimento e processas as métricas que são alimentadas no sistema, consegue.

Mais do que isso, ele otimiza os processos garantindo precisão, ao mesmo tempo em que diminui o tempo necessário para realizar as tarefas.

Ao ser otimizado para a gestão de pessoas, o software aprende constantemente e gera hipóteses através de inúmeras probabilidades.

The Cognitive HR Software foi desenvolvido para ser uma solução completa para as maiores dores do RH.

Com a metodologia correta e o mais moderno da tecnologia conseguimos transformar a gestão de pessoas para uma tomada de decisão mais justa e rápida.

Categories
Mind Insights Sem categoria

Cinco passos para você ter um RH estratégico

 

Nós falamos anteriormente sobre cinco razões para você ter um RH estratégico e agora vamos listar cinco etapas e práticas que merecem sua atenção para desenvolver uma gestão de pessoas eficiente e otimizada na sua organização.

The capital humano vem tendo cada vez mais importância em todo o mundo. Empresas de todos os tamanhos estão aumentando o investimento na captação e retenção de talentos, o que passa diretamente pelo time de RH.

Mas isso não é o bastante. Hoje a tecnologia em gestão de pessoas avança de maneira muito rápida, assim como teorias e práticas da psicologia organizacional.

Have um RH propositivo e otimizado vai fazer toda a diferença nos próximos anos, por isso é fundamental entender o RH estratégico e as ferramentas que auxiliam e agilizam a tomada de decisão e encontrar a solução ideal.

Vamos para as dicas que separamos:

Implementando um RH estratégico

 

  1. Reflexão e planejamento

Todas as decisões que mudam o rumo da organização precisam de reflexão e planejamento.

Na área de gestão de pessoas não pode ser diferente. É necessário entender quais são os problemas da equipe e como entrar a solução correta.

Definir uma meta facilita o trabalho, e ter como mostrar a evolução do processo, e os seus resultados, vai aumentar o engajamento de todos, não só nesta questão, mas para o planejamento a longo prazo.

Se você entender que o problema está na prospecção ou retenção de talentos, será necessário escolher qual das duas etapas você irá priorizar.

O importante neste primeiro momento é definir qual questão será enfrentada e fazer com que toda a equipe faça parte da solução.

A gestão de pessoas moderna e estratégica está preparada para o que surgir, ser reativo e esperar os problemas acontecerem não é mais eficiente.

Para isso, você precisa de tecnologia, metodologia e uma comunicação interna eficiente.

 

  1. People Analytics

O People Analytics consiste em utilizar a big data, ou seja, um grande volume de dados para entender tendências e comportamentos da equipe e a partir de uma análise efetiva, gerar insights para uma tomada de decisão justa a partir de métricas consistentes, ao invés de achismos.

Com esses dados expostos de maneira clara através de um software inteligente, é possível predizer o REDUCTION e outros resultados negativos com maior precisão.

 

  1. Promover a cultura organizacional

A organizational culture é um elemento essencial em qualquer organização. Sem uma cultura definida e trabalhada é impossível gerar um ambiente agradável para todos e trazer pessoas que complementem a estratégia da sua empresa.

Como já falamos, o capital humano é prioridade em 2022. Para ter resultados e desenvolver talentos é necessário gerar engajamento e trabalhar a satisfação de toda a equipe.

O seu planejamento inicial vai ajudar aqui. Por isso, você precisa entender o mercado, seus concorrentes, quais práticas são mais favoráveis, tudo isso vai te ajudar a fortalecer a sua cultura.

Porém, é necessário tomar cuidado para não perder sua identidade, você deve adaptar novas práticas ao que já funciona na sua organização e não o contrário.

 

  1. Transparência e bem-estar

Entender questões sociais é uma prática que vai além da vida profissional. E a lógica do modelo de trabalho atual é a integração da vida pessoal com o trabalho.

Vestir uma máscara para ir trabalhar é um conceito atrasado. As diferenças precisam ser aceitas.

Além disso, a transparência no andamento da empresa é uma prática essencial. Definir reuniões ou alimentar um board com resultados financeiros e mercadológicos aumenta o engajamento e satisfação de todos.

Em casos de crise, a equipe sabe o que está acontecendo, quais práticas estão sendo tomadas e todos ficam preparados para lidar com o momento negativo.

 

  1. Tecnologia e metodologia

A tecnologia na gestão de pessoas é acessível para todos. Não é possível ter um RH estratégico sem as ferramentas corretas.

Uma inteligência artificial com diversas soluções integradas é um diferencial que vai te preparar para os desafios que virão.

A gestão de pessoas passa por um processo de mudança que vai desde o modelo trabalho, a otimização do tempo e a saúde mental da equipe.

Nós entendemos que um sistema cognitivo, que aprenda ao ser alimentado com cada métrica e compile os resultados de maneira visual é o melhor caminho para a gestão de pessoas.

Por isso, criamos o Cognitive HR Software. Um sistema com diversas soluções e que otimiza tempo e recursos para um RH inteligente.

Categories
Mind Insights

Cinco motivos para você ter um RH estratégico

 

O RH estratégico é a união de processos e técnicas de gestão de pessoas com uma tecnologia focada na área. São diversas tarefas passiveis de automação que permitem maior precisão e agilidade nas tomadas de decisão.

Antes de listarmos cinco motivos para você ter um RH estratégico, vamos falar um pouco do cenário atual e alguns dos processos de mudança que aconteceram nos últimos anos.

A principal mudança talvez seja no modelo de trabalho. Pensando além da questão de híbrido ou remoto, as pessoas em todo o mundo vêm buscando mais flexibilização de tempo e espaço.

Esse processo foi muito acelerado por conta da pandemia da Covid-19, quando efetivamente mudamos do modelo presencial tradicional. Porém, líderes de gestão de pessoas já vinham analisando cenários alternativos desde 2018.

Algumas iniciativas, como a da Microsoft no Japão, surgiram ainda em 2019. Neste teste, que durou todo o mês de novembro, a empresa implementou uma jornada de quatro dias de trabalho por semana e a produtividade aumentou 40%.

Seguindo esses resultados positivos, a Panasonic também implementou uma semana de quatro dias no Japão no início de 2022, e de maneira definitiva. Em ambos os casos a aceitação pelo time foi de mais de 90%.

Por isso, estar preparado para implementar mudanças que vão influenciar diretamente nos resultados de maneira positiva e melhorar o bem-estar de todos é fundamental em 2022.

Confira nosso e-book com o guia do RH estratégico em 2022:

Esses exemplos já falam de dois dos motivos que escolhemos para mostrar como é importante implementar um RH estratégico, vamos agora para os cinco:

  1. Produtividade 

Com mais tempo para gerar insights e participar da estratégia com as lideranças, a equipe de gestão de pessoas consegue antecipar problemas de maneira mais fácil.

Outra vantagem em ter mais tempo para tarefas não burocráticas é que a atenção pode se voltar a saúde mental e física dos funcionários e também para o bem-estar.

Auxiliando o engajamento ao aumentar o nível de satisfação em toda a organização.

Além disso, todas as métricas e dados alimentadas no software já estão processados. Então, a análise é muito mais precisa e ágil.

  1. Economia

Com um RH mais estruturado é possível reduzir custos de maneira direta, com a retenção de talentos e também evitando erros e refação de tarefas cotidianas.

O investimento também é visto de forma indireta, no caso da redução da jornada para apenas quatro dias semanais, foi possível economizar cerca de 25% na conta de energia elétrica e 60% do gasto de papel.

Essas medidas são vantajosas não só para a organização, mas também reflete em um cuidado maior com o meio ambiente.

Decisões como diminuir um dia de trabalho por semana não são fáceis e a equipe precisa do melhor a disposição para saber se essa será a medida correta e também ter os dados em mãos para provar os resultados.

  1. Transparência

Combater os achismos no setor de RH é um grande desafio. Com um software inteligente e uma equipe preparada com a melhor metodologia de psicologia organizacional isso se torna muito mais fácil.

Os dados são processados por uma inteligência artificial desenvolvida exclusivamente para tarefas de gestão de pessoas.

Logo, esses dados são disponíveis de maneira clara e sem interferência humana, não existindo erro após alimentar o sistema com as métricas disponíveis.

Os resultados são mais claros e todos conseguem ser remunerados de maneira muito mais transparente e justa.

  1. Alinhamento

Com um acompanhamento de resultados e outras informações, toda a equipe consegue entender melhor como está a empresa, quais são os objetivos e como cada squad está trabalhando.

A comunicação interna é facilitada com boards e outros sistemas visuais que disponibilizam essas informações de maneira clara e direta. Não necessitando que exista um contato com alguém da equipe de RH para saber como as coisas estão.

  1. Longo prazo

Por fim, um RH estratégico gera resultados muito positivos a longo prazo. Com a otimização de processos, mais tempo para lidar com problemas e a participação do time de gestão de pessoas na estratégia da empresa, todos os setores são contemplados.

O investimento em tecnologia e metodologia no RH é uma tendência global para os próximos anos, e os maiores resultados não são imediatos.

Esse processo é pensado para o futuro. Quem se preparar agora estará em melhores condições para adquirir e reter talentos e também no planejamento interno até o fim da década.

Um software cognitivo de RH

Um sistema integrado preparado exclusivamente para gestão de pessoas é um aliado incrível para transformar a gestão de pessoas.

Não é possível ter um RH estratégico sem a ferramenta e metodologias corretas.

Foi pensando no futuro da área que preparamos o Cognitive HR Software. Uma solução integrada para um RH inteligente!

Categories
Mind Insights

Capital humano: Como adquirir e desenvolver talentos

 

O capital humano vem sendo o grande foco de equipes de gestão de pessoas.

Com  uma série de mudanças no modelo de trabalho nos últimos anos, o modelo completamente presencial, já parece distante para muitas pessoas.

Junto do modelo flexível, inovações disruptivas surgiram por todo o planeta.

Novas indústrias, modelos de negócio e tecnologias em processamento e analises de dados estão presentes nas mais diversas áreas enquanto uma nova geração pede oportunidades para entrar no mercado de trabalho.

O futuro pode ser muito interessante, ao mesmo tempo em que é desafiador e ninguém pode dar bobeira para não ficar para trás.

A importância do capital humano

Uma mudança muito importante no período de 2020 até agora, foi na visão das organizações sobre a própria estratégia. Com a inovação tomando conta do mercado, o capital humano se tornou essencial.

O modelo de negócio do futuro é estruturado na empresa como uma unidade e não mais em tarefas individuais, super-estruturadas, onde cada um faz a sua parte e vai para casa.

A força de trabalho quer ter respostas diretas sobre seu rendimento, seu futuro e quais são as opções de flexibilização do modelo de trabalho, seja em lugar, horário ou funções.

Com esse desenvolvimento individual, e novas oportunidades, muitos estão pensando, e desejando, mudar de emprego em curto prazo.

O capital humano das empresas está prestando mais atenção para o seu conforto e saúde mental. E cabe ao time de gestão de pessoas estar preparado para essa mudança de visão.

Muitas organizações estão investindo cada vez mais no seu setor de RH, principalmente em formas efetivas de recrutamento e seleção.

Com o bem-estar tendo papel cada vez mais importante na gestão de trabalho, conseguir desenvolver uma cultura organizacional é fundamental para ter um ambiente atrativo para recrutar os melhores talentos.

O desafio está em trazer as melhores pessoas para a organização, com um processo de recrutamento bem estruturado, levando em conta o fit cultural de quem está entrando com a cultura já desenvolvida internamente.

Segundo o manual de tendências do RH para 2022 da McClean & Company, empresa canadense de pesquisa e consultoria em RH, 25% dos investimentos em gestão de pessoas em todo o mundo está diretamente ligado ao recrutamento e seleção de talentos.

É muito mais vantajoso investir no processo de integração de uma nova pessoa, que esteja pronta para uma função, ou tenha potencial, e encaixe nas práticas e costumes internos, do que colocar alguém destoante dentro da empresa.

Confira nosso e-book com o guia do RH estratégico em 2022:

Encontrando e desenvolvendo talentos

Entender quais são as habilidades importantes dentro da organização é muito mais importante do que encontrar pessoas que encaixem perfeitamente em uma única função.

A flexibilização do trabalho não está só no modelo híbrido ou remoto. A estrutura do ambiente de trabalho também está passando por mudanças significadas.

Os modelos de trabalho horizontais estão se mostrando cada vez mais efetivos. Construir uma vantagem competitiva hoje, principalmente no Brasil, vem sendo um grande desafio.

Criar um fluxo de trabalho no qual mais pessoas com habilidades complementares conseguem cumprir metas da estratégia em squads inteligentes é uma prática incrível para chegar aos resultados esperados.

Para isso, é essencial que o time de gestão de pessoas identifique as qualidades e defeitos de todos os membros da organização.

Desta forma, é possível criar um fluxo de interações efetivas entre todos e entender quais cargos, funções ou tarefas não estão contempladas e precisam de novos membros e só então definir o processo de recrutamento.

Trazer pessoas com alto potencial para uma organização bem estruturada, com processos definidos e uma cultura desenvolvida, permite resultados incríveis a longo prazo.

As interações entre pessoas preocupadas com o desenvolvimento individual permitem que toda a equipe evolua em conjunto, desde que existam processos de acompanhamento efetivos.

Criar um PDI para cada membro da organização e pesquisas de clima e performance trimestrais, são práticas que auxiliam o desenvolvimento de cada um e estreitam a relação entre funcionário e empresa.

A valorização do capital humano é tendência para os próximos anos. Proporcionar o ambiente correto para o desenvolvimento de todos será um divisor de águas para o crescimento da empresa.

A tecnologia no capital humano

Sem um software completo para entender as necessidades e problemas dos funcionários, é quase impossível influenciar no desenvolvimento pessoal de cada membro da organização.

Entender índices de satisfação, engajamento e performance não é tarefa fácil.

Mas, hoje nós temos a tecnologia para contar com a ajuda de uma inteligência artificial desenvolvida para processar e interpretar indicadores de maneira ágil e prática.

Um software cognitivo de RH consegue reunir as soluções em um único programa.

Conheça mais sobre o Cognitive HR Software. Uma solução integrada para um RH inteligente!