Turnover: como o uso de dados pode te ajudar a prevenir

Turnover é a taxa percentual de rotatividade da organização e é muito importante ficar atento aos sinais de que isso está acontecendo, afinal, nenhuma empresa quer perder os seus talentos. 

Nesse texto explicamos com mais detalhes o que é turnover e como monitorá-lo na sua empresa, e que ele pode acontecer por questões desde o processo seletivo daquele funcionário, por clima organizacional ou problemas com a liderança. 

Quando as taxas de turnover estão altas, é sinal de que algumas políticas ou processos internos devem ser revistos, pois demissões e contratações de novos funcionários demandam tempo do RH e também despesas para a organização. 

Por isso é importante monitorar os indicadores de turnover na empresa e o uso de dados pode ajudar a prevenir o turnover na empresa. Saiba como! 

 

Como o turnover acontece? 

Por turnover entendemos qualquer saída de funcionário da empresa, seja ela por demissão voluntária e involuntárias, funcionários que vão se aposentar, transferências de empresa ou até casos de falecimento. 

Você pode calcular o turnover da sua empresa através das taxas de: 

  • rotatividade 
  • rotatividade de novos contratados 
  • retenção  
  • funcionalidade da rotatividade 

E é importante transformar essas informações em dados e números para que você consiga ter uma visão analítica da situação e tomar decisões embasadas. 

Por isso é preciso monitorá-lo, pois os indicadores de turnover podem estar em ligados a qualquer assunto que acontece dentro ou até mesmo fora da empresa. 

Um funcionário pode estar insatisfeito com o trabalho realizado por conta da liderança, remuneração, problemas com seus colegas, insatisfação com o cargo que ocupa, entre outros. 

Também é possível que ele esteja passando por algum problema pessoal e por isso sua performance esteja abaixo do esperado, por exemplo. Independente do turnover, todos tem uma implicação organizacional distinta. 

Afinal, serão gastos recursos, um novo processo seletivo será feito, o novo funcionário passará por treinamentos e a produtividade e engajamento da equipe também serão afetadas. 

Em todo caso, se o RH possuir um sistema inteligente e integrado, é possível que os dados ali compilados te ajudem a prevenir o turnover na sua empresa. 

 

Como nosso sistema pode prevenir turnover? 

A Mindsight possui uma solução para gestão de gente que pode indicar sinais de alerta e prevenir turnover na sua empresa. 

Através de alertas preditivos, nosso sistema pode te informar quais funcionários estão com níveis de probabilidade médios ou altos de turnover e sugerir ações recomendadas para cada caso. 

O sistema considera dados como tempo de empresa, faixa etária, salário atual, satisfação dos funcionários, perfil, cursos e treinamentos, liderança e pesquisa de clima para criar os alertas de turnover. 

Sendo assim, com essas informações consegue-se calcular a probabilidade de possíveis turnovers na empresa. Além disso, o sistema também sugere algumas ações para cada caso de alerta, por exemplo: 

O sistema também permite que acessar o perfil de cada funcionário e analisar desde quando o funcionário apresenta sinais de turnover, o engajamento de acordo com a pesquisa de clima e outras informações que ajudam a prever o desligamento desse funcionário. 

Ainda é possível ter acesso aos indicadores gerais de desligamento de funcionários da empresa, se foram voluntários ou involuntários, mês e ano, tempo de empresa e outros dados para avaliar a situação da equipe. 

São muitas as situações que levam um funcionário ao turnover, portanto, desde o início, é preciso montar um processo seletivo estruturado para evitar que isso aconteça na sua empresa. 

O uso de dados no processo seletivo te ajuda a tomar a melhor decisão, para que tanto funcionário quanto organização fiquem satisfeitos nessa relação profissional. 

Porém, outros fatores podem levar o funcionário ao turnover e por isso é preciso contar com uma solução inteligente que sinalize esses possíveis casos e a empresa não perca talentos, quando é possível evitar que isso aconteça. 

Um RH estratégico precisa se manter atento aos problemas que podem surgir quando falamos de gerenciamento de capital humano. 

Não perca tempo! Agende uma conversa com um dos nossos consultores e conheça nosso sistema! 

Cognitive HR: Transforme processos em jornadas! 
Por Grazyele Lopes